Atenção

O Doa a Quem Doer adverte:

Se você possui sintomas como idolatrite aguda, alienaçao ou coisas parecidas, em relação a artistas gospel, religião ou outros; Ou ainda, se você prefere não enxergar a verdade, e o mundo gospel como ele realmente é, não leia este Blog!

terça-feira, 16 de março de 2010

A grama do Vizinho

Sempre tem uma meia dúzia me criticando aqui no blog, dizendo que eu fico tietando os cantores internacionais, e menosprezo os nacionais. Um deles, até ousou dizer que eu elogiei demais a música e a atitude que Kirk Franklin teve em prol de arrecadar fundos para o Haiti.
Pois bem, eu não tenho nenhuma preferencia por nacional ou internacional. E eu não falo só mal dos cantores nacionais. Sabemos reconhecer os acertos também. E quando for o caso de criticar uma atitude dessas personalidades internacionais, certamente criticarei.
Elogiei sim, Kirk Franklin e aproveito também para elogiar Michael W. Smith, que também teve a mesma atitude, assim como Paulo César Baruk e amigos, entre outros. O que eu quero destacar, é que estes cantores, conseguiram reunir artistas de todos os generos e gravadoras, ou seja, neste momento de fazer o bem, até as grandes gravadoras se unem.
Se compararmos isso com os nossos cantores daqui, a que conclusão poderemos chegar?
Você acha que, por exemplo Line Records, Mk Music e Graça Music se abraçariam para lançar um trabalho conjunto??
Amigos, acordem. Eles querem ver seus próprios interesses antes de ajudar alguém. Querem saber se vão aparecer mais que a outra cantora, se vão ser mais focadas no clipe, se vão cantar uma estrofe a mais, para ficar sempre a frente dos outros. E não vou dizer que isso não ocorre internacionalmente.
Enfim, a você que disse que eu acho a grama do vizinho mais gostosa, se enganou. Podería muito bem detonar o Kirk Franklin ou qualquer outro cantor internacional aqui, se realmente houvesse motivo. Podería detonar o Hillsong, pelos integrantes do grupo que caem na bebedeira depois dos shows, que se prostituem com membros da igreja ou que forjam uma doença para usar de sensacionalismo. Ou pelo integrante da banda que foi pego portando drogas e alcoolizado.
Pra mim música internacional ou nacional, tem um só interesse. O seu dinheiro.
Gosto sim, de destacar pessoas que são ícones da música, de verdade.
Pra mim, para ser um ícone, o cara precisa, não só ter qualidade musical, ser famoso, criativo e ajudar o próximo, precisa também ter carisma, humildade e saber a hora que deve deixar as rivalidades de lado... Coisa que muita gente aqui, não tem.
Podemos dizer  que Ivete Sangalo é um ícone da música brasileira, porque faz jus ao título, podemos dizer que Kirk Franklin é um ícone da música gospel, que Michael Jackson foi um ícone da música pop, entre muitos outros, porque realmente são.
Aí me digam, dá para reunir TODAS essas qualidades nos nossos artistas nacionais do meio gospel?
É essa a diferença. Mas ninguém é obrigado a pensar como eu.
Aí eu eu aproveito esta oportunidade e pergunto a vocês, onde estão os cantores aqui do Brasil, que vivem enchendo nossos ouvidos com aquela babozeira de vou à África, dá-me às nações, é tempo de evangelizar as naçõese blá blá blá... O que eles fizeram?? Só oraram??? Pra que cantar uma coisa, se na hora de mostrar que se importam, só sabem escrever no Twitter ou em seus blogs que o Haiti, a África e etc, precisam de oração. Há momentos em que a gente deve não só orar, mas fazer alguma coisa.
Porque que vocês cantores que tanto falam em missões, não pegam um avião e vão lá evangelizar o Haiti??? Porque que ao invés de gastarem dinheiro com férias em Orlando, não doam pelo menos uma de suas férias e viajam para a África pregar o evangelho? Se não forem fazer, cantem outros temas, ao invés de falarem de missões.

17 comentários:

  1. Concordo com tudo o que vc disse... Mas quero aproveitar para dizer que eu realmente prefiro comer a grama do vizinho rsrs

    Eu adoro ouvir música e preciso admitir que fico muito frustrada com a mesmice e a falta de criatividade das produções do Brasil.

    Quando surge algo que realmente me interessa, acabo percebendo que não passa de uma versão/tradução americana, salvo raras exceções.

    As gravadoras querem "música comercial" e não música de qualidade...

    ResponderExcluir
  2. Falou e disse... As vezes a mesmice acaba fazendo com que a gente vá buscar as coisas mais longe, tipo no vizinho, rsrs.

    ResponderExcluir
  3. Galera, tá dando um probleminha pra postar comentário, mas se der erro tenta de novo q dá certo.

    ResponderExcluir
  4. Engraçado teve uma cantora( nao preciso citar o nome), que fez dois albuns dizendo: Tenho muito pra dar, eu vou, o evangelho pregar, a Africa, eu vou, eu vou ,eu vou. Foi? Nada.

    Escrevi um texto no meu iniciante blog, e quero compartilhar com voces.

    http://focojesuscristo.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Olha querida ADM não vou dizer nada e so ver este vídeo pro favor depois cada um tire suas próprias conclusões ok!Jesus Culture - How He Loves Us (Legenda: Português) http://www.youtube.com/watch?v=OSm7IorS3Vo
    Paz Depois que adorei ao Senhor junto com eles mudei e revi meus conceitos paz

    ResponderExcluir
  6. Realmente pessoal!
    Existe muito blá blá blá...
    é como diz uma música do Fruto: "Que que modo eu mudo a historia? com discurso? ou com ação?"

    ResponderExcluir
  7. Tudo bem, você me conveceu de que não é um fã enlouquecido das "estrelinhas" internacionais rsrs, mas eu continuo pensando da mesma forma a respeito do modo como elas fazem filantropia com os mais necessitados, afinal de contas eu também não vi vc falando nada sobre Kirk ou Michael terem ido lá onde verdadeiramente o "bicho pega" (Africa, Haiti), e quanto a nossa constelação de "astros e estrelas" eu duvido que eles tenham pelo menos orado.

    ResponderExcluir
  8. profundo....
    realmente eh hora de inovar nas musicas, letras e artistas , pessoas q realmente façam arte pra trazer o povo a Deus pois as pessoas confundem adoração com friozinho na barriga e se emocionar a ponto de chorar....
    adorar a Deus é estar em Deus e trazer as pessoas a Deus de coração, não com a emoção é complexo, é intangível.

    ResponderExcluir
  9. Gaila_x:

    Eles talvez não tenham ido lá agora. Mas se você fuçar o Youtube e canais de Kirk Franklin, ele vive cantando na África, por exemplo. No próprio canal de vídeos dele no youtube, e outros vídeos, mostram cruzadas que o cantor faz por vários países daquele continente... Etc.

    ResponderExcluir
  10. Tiago 2. 14-17

    "Meus irmãos, que aproveita se alguém disser que tem fé, e não tiver as obras? Porventura a fé pode salvá-lo? E, se o irmão ou a irmã estiverem nus, e tiverem falta de mantimento quotidiano, e algum de vós lhes disser: Ide em paz, aquentai-vos, e fartai-vos; e não lhes derdes as coisas necessárias para o corpo, que proveito virá daí? Assim também a fé, se não tiver as obras, é morta em si mesma"

    ResponderExcluir
  11. Falam de missões pra encher o cd e pq o tema está na moda! E Dona Fernanda ainda mete uma que missões podem ser feitas por aqui..Caramba, então para de dizer que vai à África!!!

    ResponderExcluir
  12. Olha, não sabia desta dos integrantes do Hillsong

    ResponderExcluir
  13. Adorei o texto!
    Acho muito engraçado mesmo essas estrelinhas do Brasil com um espírito tãão voluntário, chorando pelas almas, cantando missões, tirando fotos com globo terrestre, dizendo q vão à Àfrica... E no final não fazem nada disso!
    Estão interessados em ser adorados por seus fãs idiotas, em combrar absurdos pra ir cantar nas igrejas, em se esquivar do povão!

    É da dona Fernanda mesmo q estou falando! Seria uma boa oportunodade de ir à Àfrica essa neeh, então... Você vai?

    Viajam pra Paris, vão morar nos EUA, vão pra Disney e missões q é bom, nada!
    Quaanta hipocrisia, francamente!

    ResponderExcluir
  14. Naum entendii o q vc quis dizer sobre o Hillsong!
    Sobre forjar uma doença, isso todos sabem que o Pr. Mike não é do hillsong e sim do Planetshakers, é quanto ao resto das bebedeiras, não estou afirmando nem negando, mas quais são suas fontess?

    ResponderExcluir